Feitiço – Sarah Pinborough

Dando continuidade a Saga Encantadas, chega a vez de Feitiço. Eu não sabia até começar a ler esse livro e descobrir que os livros estão interligados. Há personagens que aparecem também nesse segundo livro e acabam contextualizando tudo o que acontece e faz tanto sentido.
 
Contra Capa do Livro
Cuidado com o que você deseja!
Para fãs de Once Upon a Time e Grimm, a série Encantadas prova que contos de fadas são para adultos!
Você se lembra da história da Cinderela, com sua linda fada madrinha, suas irmãs feias e um príncipe encantado? Então esqueça essa história, pois nesta releitura de Sarah Pinborough ninguém é o que parece. Em um reino próximo, a realeza anuncia um baile que encontrará uma noiva para o príncipe e parece que o desejo de Cinderela irá ganhar aliados peculiares para ser realizado. Contudo, não será fácil: ela não é a aposta de sua família para esse casamento real, e sua fada madrinha precisa de um favorzinho em troca de transformar essa pobre coitada em uma diva real. Enquanto isso, parece que Lilith não está muito contente com os últimos acontecimentos e, ao mesmo tempo em que seu reino parece sucumbir ao frio, ela resolve usar sua magia para satisfazer suas vontades.
Feitiço é o segundo volume da trilogia iniciada com Veneno, um best-seller inglês clássico e moderno ao mesmo tempo em que recria as personagens mais famosas dos irmãos Grimm com personalidade forte, uma queda por aventuras e, eventualmente, uma sina por encrencas. Princesas, rainhas, reis, caçadores e criaturas da floresta: não acredite na inocência de nenhum deles!”
 
Minhas impressões!
 
Este segundo livro conta a história de Cinderela. Alguns detalhes são bem próximos aos contos de fadas que estamos acostumados, mas uma humanidade aqui e ali fazem a história parecer mais real. E quando eu  digo humanidade é mais no sentido de falta de perfeição. Cinderela tem uma visão um tanto quanto estranha da vida. Acreditando que tudo o que necessita é se casar com um príncipe para ser feliz. É claro que como todo sonho, ela não vê as implicações disso e que pode não ser exatamente como ela espera. Para sua sorte há quem esteja muito interessado nela e uma fada madrinha acaba aparecendo e magicamente a ajudando a conquistar o príncipe, mas apenas superficialmente. A construção do amor não estava incluída na magia e cabia a futura princesa fazer com que o amor dos dois existisse na realidade. 
Não posso falar muito mais por motivos de spoilers. Mas eu gostei muito desse livro e diferente do primeiro no qual tive um pouco de dificuldade em continuar lendo, esse me prendeu mesmo. Muito bem escrita e estruturada a história. 

Autor(a): Sarah Pinborough
Páginas: 247
Ano: 2013
Editora: Única
Avaliação: 

Deixe uma resposta