New Girl – Agora vai?

Acabou a sexta temporada de New Girl. A série continua com ar leve, falando sobre relações adultas. A vida dos colegas de apartamento, Jess, Nick, Winston, Schimidt e Cece está em constante mudança agora que Cece e Schmidt casou e está de mudança para sua casa nova. 😉

Jess ficou a temporada toda à merce do sentimento que tem por Nick enquanto, como boa amiga, o ajudava no relacionamento com Reagan. Nick também conseguiu lançar seu livro – bacana horrores. Winston também pedu sua namorada Ali em casamento, então teve muita novidade, né Brasil?

Mas a novidade mais esperada foi que parece que finalmente Nick e Jess se reconciliaram no final. Amém!

Aguardemos a próxima temporada.

Inacreditáveis – Sarah Shepard

Com esse são 4 livros lidos da série. Só felicidade até o momento.

Sinopse

“No quarto livro da série Pretty Little Liars, a vida charmosa das quatro amigas se torna um verdadeiro pesadelo. Emily foi morar com seus primos ultraconservadores. O namorado de Aria está atrás das grades – por causa dela. Spencer pode estar envolvida no sumiço de Alison. E Hanna luta por sua vida no hospital porque sabia demais.”

Minhas impressões

Eu gostei bastante desse livro, apesar de a leitura ter sido um pouco mais difícil que dos outros. A Hannah foi atropelada no final do terceiro e o quarta começa com ela no hospital e com Emily na casa de uma tia em outro estado. Maior loucura. No livro, a Hannah perde a memória e não lembra do que aconteceu no dia do acidente. Logo, não se lembra nada do aniversário de Mona e da humilhação que passou. O livro termina com as meninas todas em Rosewood.

Em relação a série tem algumas diferenças, né? A óbvia, que Emily nunca foi para outro estado e o Ezra nunca foi preso. Ele é preso no livro, SIM! Eu fiquei chocada. hahahaha Denuncia do então namorado da Aria, Sean. Na série eles nunca namoram, né?

É no quarto livro que A é revelada. Mesma da série. 🙂 MAS tem um A novo no pedaço e esse eu ainda não sei quem é.

O meu é ebook

Páginas: 352
Ano: 2011
Editora: Rocco
Avaliação:

The Walking Dead – Fim de temporada

Chegou ao fim mais uma temporada de The Walking Dead e novamente me pergunto porque ainda assisto a esta série, porque olha, tá cada dia mais complicado. Todo mundo já sabe do meu não amor pelo Rick, mas ultimamente eu estou não amando todo mundo. Pessoal difícil, esse.

Começamos essa temporada depois de ter visto muito sangue no último episódio da anterior. Fiz post a respeito, aqui. Desde que descobrimos quem foi a temporada SE ARRASTOU! Essa deve ter sido uma das piores temporadas EVER de qualquer série, meu Deus!

Muitos passaram a odiar Eugene ainda mais, mas eu sinceramente, acho que ele fez o certo. Ele foi bem recebido e passou a ter um papel importante com os Negan’s, porque renegar isso? Acho que todo mundo teria aceitado de boa. Nessa mesma de se rebelar contra o sistema, Rick cria um plano contando com apoio de pessoas aí e armas de terceiros. Era evidente que não ia dar muito certo, né amigos?

Para evitar desmotivar quem ainda não assistiu vou parar por aqui e deixar as interpretações por conta de vocês!

Beijos e até o próximo início de temporada com mais reclamações da minha parte.

Grimm – Acabou.

Ai, acabou essa série tão amor que é uma das poucas que eu comecei a assistir quando saiu mesmo.
Grimm teve seis temporadas. Para quem não sabe do que se trata a história, pode ver aqui.

Eu gostava bastante, mas acho que concluíram a série bem. No momento certo e do jeito certo. Durante esses seis anos foram muitas reviravoltas, ao ponto do principal ter um filho com sua pior inimiga. Na época, eu fiquei meio assim porque era muito estranho, porém, agora acho que eles são um dos melhores casais que eu acompanho na ficção.
Além de tudo a série ainda teve uma conclusão futura, com as crianças que nasceram durante o processo, ou seja, um enorme amor, mesmo!

São muitas coisas misturadas ao longo da história, Grimms, monstros, chaves, famílias reais, reis do Inferno de outras dimensões, várias línguas diferentes e por aí vai.

Assistam!
Beijos

Grace & Frankie

Ai gente, eu tenho um amor todo especial por essa série, né? Nem sei explicar o porquê, mas eu me divirto tanto.
Para quem não conhece tem post sobre a série aqui.

Eu me identifico mais com a Grace, sempre. Porque ela é mais crítica e chata, bem igual a mim. hahahah
Nesta terceira temporada elas estão lançando um vibrador – ISSO MESMO – com design para terceira idade, mas que foi aprovado por todas as idades, dizem. E ai, elas enfrentam toda a problemática de serem senhoras idosas e os bancos não quererem emprestar dinheiro a elas. Dentre outros problemas na amizade delas, que sempre rola mesmo. Cada episódio é uma mistura de gargalhadas, choro e entendimento.

Confesso que fiquei muito irritada com a Frankie nessa temporada, mas do que o normal, várias vezes por ela agir tão infantilmente. Cabe lembrar que a série também discute outros vários temas então, vale muito a pena assistir.

É original Netflix, então corre pra maratonar.

Beijos!

Perfeitas – Sarah Shepard

Terceiro livro da série PLL. 🙂
Por enquanto foi o que eu mais gostei. Tanto pelas suas enormes diferenças em relação a série quanto pelas suas particulares semelhanças nos acontecimentos.

Sinopse do livro

“Em uma cidade onde a fofoca prospera como a hera que se agarra a suas mansões, onde mistérios estão por trás de cercas bem cuidadas e os esqueletos se escondem em cada closet, quatro meninas de aparências perfeitas não são tão perfeitas quanto aparentam.

Três anos atrás, Spencer, Aria, Emily, Hanna, e sua melhor amiga Alison foram as meninas em Rosewood Day School. Eram vistas pelos corredores nos seus apartamentos, bronzeadas em seus biquínis Pucci, e rindo com suas unhas recém-cuidadas. Eram as meninas que todos adoravam, mas que secretamente odiavam, especialmente Alison.

Então, quando Alison desapareceu misteriosamente uma noite, o luto de Spencer, Aria, Emily e Hanna foi tingido com … alívio. E quando o corpo de Alison foi descoberto mais tarde em seu próprio quintal, as meninas foram forçadas a desenterrar algumas más lembranças de seu velho amigo, também. Poderia haver mais da morte de Alison que ninguém percebeu?

Agora alguém chamado A, alguém que parece saber tudo, está apontando o dedo para elas pelo assassinato de Ali. Assim descobrindo seus segredos mais sombrios e tornando seus escândalos mortais, A está prestes a arruinar suas vidinhas perfeitas para sempre.”

Minhas Impressões

É muito complicado falar sobre os livros individualmente porque é pouco tempo em cada um. Do começo do primeiro até o final do terceiro passou um mês. Loucura, né? E aí, falar a respeito sem dar spoiler é foda. Mas falando em termos gerais, o livro tem a mesma ideia que os outros… Tranquilo de ler, é sentar e ler. O que nem sempre é bom porque a gente acaba largando a vida para poder ler. Entretanto, não são esses os melhores livros? A gente, que está no projeto de leitura da série PLL, começou a ler o quarto livro agora. Estu ansiosa para terminar mas está faltando TEMPO, amigos.

Beijos!

Minha edição é ebook.

Páginas: 312
Ano: 2011
Editora: Rocco
Avaliação: